terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Repertório para a Roda e Oficina - 2


Olá a todos vocês visitantes desse blog e participantes de nosso projeto.

Nesse próximo dia 12/02 teremos mais uma edição de nossa oficina - Roda de Samba: cultura, sociabilidade e educação não-formal, seguida de Roda de Samba com o Cupinzeiro. A oficina ocorrerá das 10hs as 12hs e a Roda será realizada a partir das 18hs. Ambas as atividades serão realizadas no espaço da TEIA – Casa de Criação.

A TEIA fica na R. Rui Barbosa n. 1950,  São Carlos. 

Nesse dia daremos continuidade ao processo de construção de repertorio iniciado na oficina anterior. Assim, teremos a oportunidade de cantarmos juntos de modo a formarmos novamente uma grande roda.

Para quem não pôde comparecer na última oficina realizada no dia 29/01/2011, veja as postagens anteriores e fique por dentro das músicas cantadas. 

Assim como fizemos anteriormente, segue aqui uma série de vídeos disponíveis no You tube e links com músicas que fazem parte de nosso repertório. Selecionamos para a próxima oficina mais algumas músicas de Geraldo filme e de Candeia. 

Lembrem-se, a roda do próximo sábado 12/02 será a finalização desse projeto e pretendemos que ela seja uma grande confraternização de pessoas interessadas em conhecer mais dessa rica manifestação.

Nosso desejo é que façamos juntos uma bela Roda de Samba, com muita alegria e união.

Aproveitem para escutar com atenção, aprendendo a letra e melodia dos sambas. Se for músico aproveite também para aprender a tocar e acompanhar essas músicas. Desse modo, todos poderão contribuir para a beleza da roda de samba.

Para nós do Cupinzeiro podermos acessar os registros fonográficos, ouvir atentamente e posteriormente compartilharmos aquilo que aprendemos é uma forma de darmos continuidade a essa rica construção da memória e da cultura musical brasileira. Essa riqueza se fortalece na possibilidade de trocas de saberes que podem se estabelecer entre os diferentes. A beleza da roda está no convívio das diferenças numa construção que se dá pela contribuição de todos em nível de igualdade.
 

Samba da Antiga

Vem pra roda menina
Vem mexer com as cadeiras
Vem sambar
Vem mexer com as cadeiras
Vem sambar...

Esse samba é da antiga
De gente amiga
Vem sambar
Vem mexer com as cadeiras
Vem sambar...

A idade não importa
A cor da tua pele não me interessa
Se tens pernas tortas
Se tens pernas certas
O que vale é saber se tem samba na veia
O samba veio de longe
Hoje está nas cidades
Hoje está nas aldeias
Nasceu no passado
E está no presente
Quem samba uma vez
Samba eternamente.

Candeia


Vamos que vamos!
Edu de Maria

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

... o samba não é uma coisa só !